Publicidade

Publicidade
27/04/2007 - 21:37

Os clichês dos trailers

Compartilhe: Twitter

Os trailers de filmes são uma forma de arte com regras e clichês próprios – como aquela pomposa narração em off que começa “Em um mundo X…” e termina “com o vencedor do Oscar Y”.

“Wheels”, o falso trailer de um filme inexistente sobre o caso de amor entre um homem e uma garota em uma cadeira de rodas, ironiza justamente esses chavões do formato.

Segundo Virginia Heffernan, crítica e blogueira de TV do “New York Times”, o falso trailer oferece ao menos 15 críticas substanciais às convenções do cinema e do romance.

É divertido e sofisticado ao mesmo tempo. Para conferir, clique aqui.

Autor: - Categoria(s): Posts Tags:

Ver todas as notas

7 comentários para “Os clichês dos trailers”

  1. Fabio Negro disse:

    O trailer do Comedian, aquele filme do Seinfeld, se restringe a clichês específicos do narrador, mas é mil vezes melhor que esse Wheels.

    Mil vezes!

  2. Filipe disse:

    Queria muito assistir, mas me recuso a instalar o QuickTime…ô programinha chato.

  3. daniel disse:

    Já no início dos anos 90, um curta-metragem de alunos da UFF fez a mesma coisa. O nome era “Um C… chamado paixão” e tinha no elenco, pasme, a então desconhecida Denise Fraga. É um filminho bem divertido.

  4. Luís Carlos disse:

    Faltou eles correndo na praia

  5. Luiz Candido disse:

    É, Xará Carlos, você tem razão. Duas possibilidades: ele correndo ao lado dela, que giraria sofregamente as rodas da cadeira (na realidade, ela atolaria na areia, mas estamos em hollywood), ou ele empurrando a cadeira. Se bem que já existe cena parecida, com os dois de braços abertos (super-clichê).

    Agora, nos temos que admitir a competência desse pessoal para fazer um fake impecável.

  6. “Ele foi acusado de um crime que nao cometeu. Agora… terà que correr contra o tempo… para provar sua inocência.”

    Todo trailer devia ter essas frases em algum momento da narraçao. Todo.

  7. nogall disse:

    bom, não vi esse do wheels, mas o que o fábio falou é de fato muito bom: http://www.youtube.com/watch?v=Xsk1L6VdwMQ

Os comentários do texto estão encerrados.

Voltar ao topo