Publicidade

Publicidade
27/04/2009 - 23:28

“Divã”, sucesso do boca a boca

Compartilhe: Twitter

Fato pouco comum no cinema brasileiro, “Divã” teve mais espectadores em seu segundo final de semana em cartaz do que em sua estreia, segundo dados do site FilmeB. Houve um aumento de 6% em renda e 7% em público. O filme de José Alvarenga ficou em primeiro lugar na bilheteria deste fim de semana no Brasil, com 162 mil espectadores, à frente de “Velozes e Furiosos 4”, com 119 mil. Sempre podemos lembrar do peso do marketing da Globo Filmes. Mas, nesse caso, a razão do sucesso parece ser outra: o velho boca a boca.

Autor: - Categoria(s): Sem categoria Tags:

Ver todas as notas

25 comentários para ““Divã”, sucesso do boca a boca”

  1. Cristiane Martins disse:

    Não perco o meu tempo com filme com ator, que já estou cansada de ver na televisão, e esse filme aproveitou bem esse último final de semana, pois a partir de hoje começa os grandes lançamentos do cinema americano, que abre a temporada com “Wolverine”.

  2. Sheila S. disse:

    Sinceramente… parece que algumas pessoas são mascaras. Não passam de mascaras…coisa de mulherzinha???? novela???? fala sério…depois fica la na sua rodinha de supostos amigos, com vaga inteligencia, falando que pegou varias…e nem mesmo se quer conhece a essencialidade de alguem…
    Trabalho com mulheres e conheço inumeras personalidades, e posso falar que se alguem ridiculariza um contexto como o do filme, esta longe de saber o que é a vida, as adversidades, e as mudanças que cada ser humano passa em si mesmo, ninguem é o mesmo o resto da vida, adorei o pragmatismo da personagem, eu sou o hoje, carpe diem…

  3. fran X disse:

    Belo filme, um olhar de leveza sobre o que por si só já é trágico, a vida.

  4. Gustavo disse:

    Filme nacional com atores globais sempre será sucesso de público; quanto ao conteúdo…

  5. wilsinho tecnico cinematografico disse:

    ricardo,ainda nao vi mas , assim que assitir te mando um cometario.um abrço pra vc e para renato.

Os comentários do texto estão encerrados.

Voltar ao topo