Publicidade

Publicidade
07/10/2010 - 20:13

Com “Tropa 2”, cinema brasileiro terá ano gordo

Compartilhe: Twitter

Se “Tropa de Elite 2” for o sucesso que se imagina, o cinema brasileiro pode esperar seu melhor ano desde o “mítico” 2003. Lançado com mais de 600 cópias, o filme tem potencial para tentar bater o recorde de bilheteria da retomada do cinema brasileiro, “Se Eu Fosse Você 2”, que teve mais de 6 milhões de espectadores.

Ok, o primeiro “Tropa” não chegou a metade desse número, mas foi visto em cópias piratas pelo dobro disso. Desta vez, a produção teve o cuidado para que a pirataria só comece depois da estréia nesta sexta-feira. E, fora isso, a marca “Tropa” chega aos cinemas com muito mais força, e mais espaço na mídia, que há três anos. Capitão Nascimento virou folclore nacional, como “Superman” na América.

Se “Tropa 2” for bem, vai se somar aos dois grandes sucessos espíritas do ano, “Chico Xavier” (com quase 3,5 milhões de espectadores) e “Nosso Lar” (que vai passar os 4 milhões fácil, fácil). Se colocarmos na conta “O Bem Amado” (com quase 1 milhão), “Lula, o Filho do Brasil” (mais de 800 mil), mais os quebrados do resto, 2010 deve ficar mais gordo que 2009.

No ano passado, ultrapassamos a marca dos 16 milhões de espectadores. Neste, isso deve se repetir. Ainda assim, devemos ficar longe dos 22 milhões de 2003 (que teve uma lista considerável de blockbusters nacionais, como “Carandiru”, “Lisbela e o Prisioneiro”, “Os Normais”, “Xuxa e os Duendes”, “Maria, a Mãe do Filho de Deus” e “Deus é Brasileiro”). Talvez o que faltou neste ano para chegar a número parecido tenha sido uma comédia mais forte que “O Bem Amado” e um infantil de peso da Xuxa ou dos Trapalhões.

De qualquer forma, este deverá ser um bom ano, se levarmos em conta apenas o número total de espectadores. Significa que devemos sair às ruas para comemorar? Não. Primeiro, porque nada garante uma continuidade. Ninguém pode prometer que teremos um 2011 forte (até porque poucos lançamentos previstos têm pinta de blockbuster). Depois, porque o problema de “desigualdade social” no cinema brasileiro permanece. Para cada blockbuster com mais de 1 milhão de espectadores, existem 10 filmes que não chegam a 10 mil. Enquanto não houver um projeto de longo prazo e uma melhor distribuição de renda, não tem motivo pra festa.

Autor: - Categoria(s): Sem categoria Tags:

Ver todas as notas

24 comentários para “Com “Tropa 2”, cinema brasileiro terá ano gordo”

  1. george disse:

    A diferença é que “Tropa” é um filme de relevância cinematográfica, enquanto os outros “blockbusters” desse ano são bobagens constrangedoras.
    Pouco me importa se os filmes estão ganhando dinheiro, pois o dinheiro não vai pro meu bolso (pelo contrário, em geral é tudo grana do meu imposto). E olha que eu trabalho na área e estou pouco me lixando pra esse blablabla corporativista de mercado… eca.
    O que eu só quero é ver bons filmes, ver a cultura do meu país indo pra frente, simples assim. Será que eu tô pedindo muito?

    • Marcelo disse:

      Bobagem cinematográfica é esse lixo violento e que pouco ou nada acrescenta a nossa realidade. Chega de mundo cão… Vamos assistir a algo que eleva.

    • Samuel disse:

      O George deve tesra bravo por não ter emplacado nenhum filme na vida (disse q trabalha na área)

    • Renilce disse:

      Constragedoraas!!!

      Haa meu filho vai passear e vê não fala tanta besteira, se vc trabalha na área deveria ficar feliz que os filmes brasileiros estão cada vez mais, levando o público para o cinema..é como o Ricardo falou deveria ter um projeto mesmo para que todos os filmes pudessem ter uma oportunidade de chegar o mais longe possível, deveriam ter um plano de mídia, mais patrocínio…e caso fossem fracasso de bilheteria, bem… já seria problema do filme mesmo……mas ele teve a oportunidade de ser divulgado.

    • Marcos Cícero disse:

      Caro George, o que você chama de bobagem constrangedora é para nós cinéfilos simpatizantes do espiritismo objeto de aprendizado, se você não gosta ou não aprecia o espiritismo o problema é seu, e respeitamos isto, agora só queremos entender o porquê de ser constrangedora se o espiritismo hoje é objeto de estudo até de cientistas, por isso que solicitamos a você o devido respeito.
      Se você não parecia, pelo menos nos poupe dos seus comentários ofensivos, será que você gostaria que fizéssemos comentários desse quilate sobre sua religião?

    • hashid disse:

      pior que está ..vide comentarios …

  2. José Carlos Lobo Barbosa disse:

    Infelizmente, falta a maioria das pessoas uma consciência maior sobre o cinema, seus custos de produção, seu financiamento, seu mercado e muitos outros aspectos. Isto acontece também com todas as diversas produções humanas nas artes, nos esportes, nas ciências, nas tecnologias, nas culturas, etc. Independente se o filme é de boa qualidade ou não e de qualquer outro juízo de valor sobre o mesmo, a base econômica de qualquer produção é muito importante. Todo filme possui seu custo total e o ideal era que a própria bilheteria de cada filme é que deveria pagar por este custo. Não é justo toda a população brasileira custear filmes financiados por impostos, sendo que existem muitos contribuintes que possuem o direito de não ver um ou mais filmes que estariam sendo forçados a pagar. Logo, todos os filmes deveriam ser somente financiados por suas próprias bilheterias ou, no máximo, por doações voluntárias. Caso algum cineasta mais “romântico e mais idealista” queira produzir obras alternativas ou não-comerciais, que ele próprio financie sua obra ou peça doações a quem quiser financiar sua arte. Só quero pagar por filmes que verei e na própria bilheteria! Quem deve decidir isto é o próprio telespectador do cinema e não o governo! Viva a democracia, a liberdade e o capitalismo!

    José Carlos Lobo Barbosa, Graduado em Filosofia pela UFMG, Técnico em Gestão de Negócios pelo SEBRAE MG, assessor e investidor financeiro.

  3. Meg disse:

    2 filmes que exploram espiritismo e outro sobre o a realidade violenta que vivenciamos…onde está a criatividade disso?

  4. João da Silva disse:

    Não sei como tem tanta gente com corágem de assistir filmes espíritas que beira o demonismo, macumbaria e satanismo, espiritismo é coisa do diabo apesar de ter quem fala que não, mas é !

    • César Evaristo disse:

      Hãaa!?????

      Não creio que em pleno séc 21 acabei de ler isso!
      LAMENTÁVEL!
      Onde está o respeito ao pluralismo de pensamento?
      Onde está o respeito à opinião religiosa dos outros?
      Amigo, vc deve rever seus PRE-conceitos! Por acaso você gostaria que outra pessoa zombasse ou tripudiasse de sua religião? (seja ela qual for).
      Faça-nos o favor!
      Aliás, a frase do Rei Juan Carlos é perfeitamente cabível aqui!

    • hashid disse:

      não sei como tem tanta gente tecendo comentários absurdos, ridiculos e repletos de ignorância, intolerância e bestialidade na internet
      dizem que a ignorância é uma benção … se sinta abençoado …Nobre Evangêlico …….e que Deus tenha piedade da sua alma ….

  5. Max disse:

    Esse ano vai ser sussesso total do cine e esse filme “Nosso lar” vai sair da liderança a partir de hj!! Pq o tropa vai ser o mais visto vai bater fácil o Se eu fose voce 2!!!

    Fuiiiiiiiiiii

  6. Leonardo disse:

    Cara com tanto filme no Brasileiro resolveram levar o do Lula para concorrer o oscar… é ficar para o Brasil ficar para tras mesmo hein!!!

  7. fábio... disse:

    ……………………………” Caro “,…..”Lobo”…?…(das 12:01)
    ……………………………………………………………………………………………………..
    …………..Por que você não pega seu “diploma” de “filólogo”
    …………………..que foi PÁGO com o nosso DINHEIRO
    …………………………………………também,
    ……………………e troque-o por uma passagem aérea
    ……………………………………com destino a,
    ……………………………………….CRETA,
    ……………………………mais especificamente,
    …………………………………………..ao,
    ……………………………………………………………………………………………….
    …………………….. ” labirinto do MINOTAURO “..??!!
    ……………………………………………………………………………………………….
    ………………..Assim você nôs livra de ler tuas ASNEIRAS
    ………………………………………e os “gregos”
    ……………………..podem te oferecer como comida pro,
    ……………………………………………………………………………………………….
    …………………………………………”chifrudo “.
    ……………………………………………………………………………………………….
    ……………………………………………………………………………………………….
    ……………Ai você pode acrescentar no teu,…”curriculum”:
    ………………………………………………………………………………………………
    ……………” filólogo,….ténico em digestão de minotauro
    ……………………………….e ascessor investidor
    ………………………………………no labirinto
    ……………………………………………..dos
    …………………………………………negócios ”
    ……………………………………………………………………………………………….
    ………………………………………………………………………………………………

  8. alfredo sternheim disse:

    Calil, não vi o filme mas deve ser bom pois o José Padilha é ótimo diretor. POrem, a minha bronca é ver filmes de denúncia social feitos com dinheiro saído da renúncia fiscal, a lei que permite abater do imposto de renda a ser pago, uma verba a ser aplicada em cultura. E não é pouco dinheiro. São orçamentos na maioria das vezes incompatíveis com as respostas do mercado. Nunca nosso cinema teve tanto dinheiro para fazer filmes. Consta que este custou 15 milhões; para amortizar seu custo vai precisar de um faturamento bruto superior a 35, 36 milhões. Explico para quem não conhece o mecanismo do cinema no Brasil. O exibidor fica com 50% (pasmem) da renda. Os outros 50% são do produtor, mas o distribuidor retira sobre essa importância de 20 a 30% de comissão. Façam as contas. Provavelmente este filme vai obter alta bilheteria. Mas, como você diz, “para cada blockbuster com mais de 1 milhão de espectadores, existem 10 filmes que não chegam a 10 mil.” Exemplos:” Salve Geral” custou 9 milhões. Não faturou nem 15. “O Menino da POrteira” 8 e idem, “Os 400 contra um ” custou quase 5 milhões. Mas dificilmente vai faturar três. Fracassar não é vergonha, mas o desperdício de dinheiro que seria imposto que poderia criar beneses sociais (melhores salários para policiais, atendentes de saúde, hospitais) vai pro espaço. É algo a se pensar. Que haja auxilio para cinema, tudo bem. Mas menos.Um teto. No máximo, 2 a 3 milhões por filme. Quem quiser mais que peça a iniciativa privada.
    ACho que boa parte da crótica de cinema está alheia a essa questão. POr isso, gostaria de ver no teu blog uma análise a respeito. Algo que nos fale de maior cuidado no uso das verbas para a cultura que evite desperdício (o caso Chatô é o melhor exemplo), de maior acuidade e transparência. Em outras épocas (na minha), na boca, o cinema já se auto sustentava. AGora… Abraços

    • fábio... disse:

      ……………………………………………………………………………………………………..
      …………”Querido”,….. sternhein,…. pare de,…..CHUTAR..!
      ……………………………………………………………………………………………………..
      …………………………………………..OK?
      ……………………………………………………………………………………………………..
      …………………Até parece que é super fácil CAPTAR
      ……………………recursos com a atual legislação.
      ………………………………………………………………………………………………..
      ……………………………………………………………………………………………….

  9. Cmte Ramos disse:

    Olá!
    É de uma infelicidade total criticar os demais filmes publicamente, parecendo mesmo pretenciosamente arrogante. Não seja assim. Digo à você que SOU TOTALMENTE CONCORDANTE COM O QUE VOCÊ FALOU!!! Acho de uma falta de qualidade quanto à esses filmes e o espiritismo em sí. Pra mim é tudo teatro. Se não for, paciência. Sempre tem alguém errado na história.
    Mas bem… voltando ao assunto, Tropa 2 vai levar todos esses filmes no bolso, fazendo assim cada vez mais o mundo olhar para o nosso cinema. Mas meu grande medo é a decepção quando você se acostuma com algo de qualidade e depois assiste à algo que não está a altura do primeiro.
    Então, eu que vivo fora do Brasil e aqui na Holanda todos são fãs dos nossos filmes, principalmente Cidade de Deus, sei que o filme será muito bem aceito.
    Vamos respeitar as pessoas e suas crenças, suas bases ou até mesmo suas cegueiras.

    CAVEIRA!

  10. Antonio Campos disse:

    gente o que o George diz tem um pouco de verdade, o cinema brasileiro precisa de mais filmes que prendam o publico que sejam interessantes e tenham um tema interessante e nao bobagens globoproduçoes que mais parecem novelas… tem que ser algo do tipo alto da compadecida, cidade de Deus, caramuru e ate mesmo a tropa

  11. allan disse:

    para quem quer ver sangue , ate tem mas o filme 2 e muito mais critica a corrupçao dos pliticos fdps se que tem algun q nao seja do que incursao em favela como foi o tropa 1 .
    o filme aborda um governador corrupto; 1 secretaria corrupta , 1 policia corrupta enfim um sistema onde 90% sao um bando de filho da putas e o pior de tudo nos e que botamos esses fdps la quando a paulistada elege o palhaço e aprendiz de fdp tiririca com 1 milhao e meio de votos arrastando com ele uma corja podre q esta por tras inclusive um dos articaladores do mensalao valdemar costa neto . como esperar politicas de seguranças publica
    eficaz contra bandidos se os responsaveis pelas mesmas sao bandidos ou melhor um monte de fdps .

  12. Wilhã Fc disse:

    Não importa o filme..!!! o nome já diz é somente um filme relatando algo de forma ” divertida, irônica, ou crõnica” elevo meu reconhecimento por pessoas que se prontificam a realizar algo que divulgue o seu trabalho e que diretamente ou indiretamente mostra a realidade do Nosso Brasil….vamos em frente, as críticas servem para o nosso crescimento..!! e aprimoramento de nossa técnicas.

  13. Concordo com todos aqueles que acham um ABSURDO o modelo de financiamento do cinema brasileiro. O que deveria ser um estimulo temporário para alavancar a produção cinematográfica nacional à independência se tornou um BOLSA-cinema com orçamentos cada vez maiores. Pagos por todos os contribuintes! Antes de tudo, cinema é negócio. Basta ver a dificuldade que diretores como Francis Coppola e George Lucas tiveram para fazer obras como Apocalypse Now e Guerra nas Estrelas (este, um blockbuster que toda indústria desconfiava antes de ser lançado). Quem quiser realizar filmes “autorais” que o façam da forma que for possível e sem dinheiro público. E pra quem não acredita na possibilidade do cinema auto-sustentável, basta ver o que um diretor americano conseguiu fazer com meros 15 mil dólares, uma câmera e uma ideia na cabeça. O longa “Atividade Paranormal” custou essa bagatela e rendeu milhões de dólares aos que nele trabalharam e aos que nele investiram.

  14. Rod disse:

    Fé Leia sozinho porque no passado eu também não acreditava que ia dar certo, mas… funciona mesmo!!! entrei neste site e fiz esta prece. fiz para ver se ia dar certo e deu, assim que acabei meu amor ligou. a pessoa que eu copiei também não acreditava mas para ela também funcionou! agora veremos… diga para você mesmo o nome do único rapaz ou moça com quem você gostaria de estar (três vezes)… pense em algo que queira realizar na próxima semana e repita para você mesmo (seis vezes). se você tem um desejo, repita-o para você mesmo (venha cá anjo de luz eu te invoco para que desenterre(N)de onde estiver ou com quem estiver e faça ele me telefonar ainda hoje, apaixonado e arrependido, desenterre tudo que esta impedindo que(N)venha para mim , afaste todas aquelas que tem contribuído para o nosso afastamento e que ele(N)não pense mais nas outras… mas somente em mim, que ele me telefone e me ame, agradeço por este seu misterioso poder que sempre dá certo.amém…). publique esta simpatia por três vezes , basta copiar e colar por três vezes em in forum diferente esta simpatia abaixo e logo em 48hs você terá uma linda surpresa, beijos ainda esta noite de madrugada o teu amor dará conta de que te ama, algo assim acontecerá entre 1 e 4 horas da manhã esteja preparada para o maior choque de sua vida! se romper esta corrente terá má sorte no amor.Deus vai lhe abençoárá e sua vida não será mais a mesma Linda

  15. artin disse:

    Cineasta brasileiro=astronauta brasileiro…
    É 1 em 1.000.000.000.000

Os comentários do texto estão encerrados.

Voltar ao topo